Alunos denunciam fraude na distribuição de bolsas do IFMA

Blog Marrapá

Uma grande
quantidade de alunos do Instituto Federal do Maranhão que estão concluindo ou
concluíram concursos técnicos em 2012 tem passado por um problema incomum.
Acontece que a
Petrobrás ofereceu a eles uma bolsa de estudos no valor de R$ 350,00 mensais
até o final do curso. O incentivo faz parte do Programa Formação de Recursos
Humanos, oferecido pela estatal visando o treinamento de mão de obra para
trabalhar na Refinaria Premium I, de Bacabeira.
No entanto, os
alunos nunca recebem o pagamento em dia e os atrasos chegam a, no mínimo, 6
meses. Por conta disso vários deles acabam desistindo do curso.
Uma aluna
ouvida pelo blog informou que o IFMA/FUNCEMA, solicitou, no início do programa,
que os alunos assinassem todos os recibos. Recentemente, o seu pai solicitou
esclarecimentos ao IFMA e a instituição respondeu que não devia nada, que tudo
estava pago.
Ciente das
denúncias, a Petrobrás já mandou apurar as possíveis irregularidades na
distribuição das bolsas de estudos do programa.
O atual reitor
do IFMA é ligado ao vice-governador Washington Luiz Macaxeira (PT), que chefiou
outro esquema de desvio de bolsas de estudo, o mensalão da Fapema.

Deixe uma resposta