Rosário é a pior cidade do Maranhão em gestão de Saúde Bucal, diz CRO.

O conselho
regional de odontologia do Maranhão (CRO), representado por sua presidente Antonildes Mota, realizou uma visita surpresa
na cidade de Rosário, para fiscalizar os consultórios públicos de odontologia
na cidade, que deveriam estar em funcionamento, porém, o que foi constatado
pela equipe do CRO, é algo de causar revolta na população.
Não há
nenhum consultório odontológico em funcionamento de acordo com as normas de biossegurança.
A constatação é do próprio conselho de odontologia – CRO, onde afirma que Rosário
foi considerado o pior município
maranhense no ano passado em gestão de saúde bucal.
As condições insalubres dos consultórios
odontológicos de um posto da sede, cerca de um ano depois, na volta da
representante do CRO, a constatação de que nada mudou. Faltam instalações elétricas,
hidráulicas, sanitária, compressores e até acessórios, como macas, colchonetes
etc…
Em outro posto de saúde, na
localidade Curral Velho, foram encontrados por técnicos do CRO, estufas no
chão, cadeiras desativadas, dentre outras coisas. Nada mudou!
A presidente do CRO, Antonildes Mota disse “que
não foi corrigido nada. Não mudou nada! Já estamos no mês de março de 2013, e
nada”!
Após a vistoria o Conselho Regional de
Odontologia encaminhou relatório ao Ministério Público Estadual, Ministério Público
Federal, foi acionado também, a Vigilância Sanitária Estadual – VISA. A empresa
forneceu todos os equipamentos para a instalação dos consultórios odontológicos,
só a prefeitura não teve a mesma preocupação e agilidade.
Antonildes Mota foi bem direta: “não existe
serviço algum de saúde bucal em Rosário”.
Os vereadores Léo Cavalcante (PTB) e Sandro
Marinho (PSD), Lamentaram o fato de a cidade ter virado notícia em todo o estado,
e de forma tão vergonhosa, onde recebeu o título de negatividade por não dar
condições ao programa saúde bucal. Como já foi dito, Rosário é a pior cidade do
Maranhão em gestão de saúde bucal.

Deixe uma resposta