Rosário sofre com seus gestores

A cidade de Rosário, a quem adoro e tenho parentes ali residindo, não tem tido sorte com seus gestores. Quem entra puxando o cachorrinho logo sai com uma matilha de Dálmatas. A prefeitura é uma Mega Sena.
O prefeito anterior, Marcone Bimba, é um exemplo de que como os gestores da Rosário entraram falidos e saíram ricos. Ele deve ser investigado e, talvez, preso pela Polícia Federal. Aguardem!
Agora, mais uma vez, a população errou ao votar na prefeita Irlahi. Ela nomeou a irmão como secretária de Finanças, o irmão como diretor do SAAE e até outra irmã como procuradora geral do município. Um governo familiar.
Mas quem manda mesmo, inclusive nos cofres público, é o patrão Pedro Vasconcelos, principalmente nos processos licitatórios. As empresas contratadas são todas de sua intimidade.
Enquanto isso, a população segue na sua rotina de abandono e sofrimento. Mas o povo da cidade é, como diria o cantor e compositor Zé Ramalho, “povo marcado, povo feliz”.

Deixe uma resposta