EXCLUSIVO: Após propaganda enganosa, Câmara instaura CPI da Saúde em Rosário

Por Jefferson Calvet
Blog Bacabeira em Foco

Após a
veiculação da matéria no jornal O Estado do Maranhão a mando da prefeitura de
Rosário, onde dizia que o ‘setor estava muito bem, obrigado’, a câmara rebateu
a altura e tratou de criar logo uma comissão parlamentar de inquérito – CPI,
para investigar denúncias de irregularidades na saúde pública do município.
A CPI
foi instaurada pela mesa diretora da câmara na manhã desta terça-feira (19),
cinco dias após a publicação da matéria. 
Isso é
só para ter uma ideia da dimensão do problema causado e a repercussão negativa no
município, após essa notícia mostrando uma saúde fictícia na cidade.
Na sessão
de ontem, alguns vereadores se manifestaram repudiando a atitude infantil e
desleal da prefeitura em divulgar algo que não condiz com a realidade diária dos
rosarienses.
Leia mais:
A comissão
parlamentar de inquérito deve convocar a secretária de saúde e, se possível, a
prefeita da cidade, Irlahi Linhares (PMDB) para prestamento de depoimento
acerca da situação da saúde pública do município.
Desde que
Irlahi assumiu a prefeitura em janeiro de 2013, o único hospital público de
Rosário, o SESP, deixou de realizar cirurgias e partos, além de ter ficado por
vários meses sem internações, algo que sempre foi realizado nas gestões anteriores.
Irlahi ainda
possui uma Clínica particular na cidade, a Nossa Senhora do Rosário.
As reclamações
são inúmeras e relacionam o Raio X, alimentação, enfermarias, destinação de
lixo hospitalar, falta de ambulâncias, médicos, almoxarifado, reformas e salas
de curativos. Todas as irregularidades foram constatadas na visita in loco dos parlamentares
ao hospital, ocorrido este ano, sob o comando do presidente da Câmara, vereador
Agenor Brandão (PV).

Em contato
com o blog, os vereadores Sandro Marinho (PSD), Nazareno Barros (PTdoB), Léo Cavalcante (PTB) e Jardson
Rocha (PP) disseram que não fazem parte e nem autorizaram a inclusão de seus
nomes na CPI. Eles reiteraram que isso é matéria vencida e que não concordam com a instauração da comissão.

Informações e vídeos podem ser enviados
ao Blog Bacabeira em Foco através do e-mail:
bacabeiraemfoco@hotmail.com ou pelo
WhatSapp 
(98)
9965-0206

Deixe uma resposta